Como faço para parar de enraizar a alegria nas minhas circunstâncias?

Parece que estamos programados para enraizar nossa felicidade em nossas circunstâncias. Isso é natural para nós. Ficamos mais felizes quando as coisas correm bem; ficamos mais tristes quando as coisas correm mal. Nosso humor é determinado pela montanha-russa que sobe e desce das circunstâncias em constante mudança da vida. Fazemos isso aos 4 anos. Fazemos aos 24 anos. Fazemos aos 44. E fazemos aos 14 anos. Hoje quero que conheça a Tessa. Ela é uma ouvinte de 14 anos do podcast que nos escreve hoje. “Caro pastor John, olá! Muito obrigado por este podcast e pelo ministério de Desiring God. Tudo isso foi uma grande bênção em minha vida. Recentemente, tenho sentido cada vez mais que minha felicidade depende das circunstâncias ao meu redor. Você poderia me oferecer orientação bíblica sobre como posso enraizar minha alegria em Jesus?

Bem, eu me sinto muito grato por essa pergunta de uma menina de 14 anos. Quando penso nas coisas com as quais lutei quando tinha 14 anos, não acho que coloquei a questão da maneira que deveria. Então, deixe-me encorajá-la que sua própria maneira de fazer esta pergunta é um sinal de significativa e crescente vida espiritual e maturidade, especialmente para a sua idade. Portanto, anime-se: de onde estou, parece-me que Deus está trabalhando em sua vida, e isso é sempre um milagre maravilhoso.

Luta Vitalícia

Antes de lhe dar algumas sugestões da Bíblia sobre como pode mudar sua felicidade dependente das circunstâncias para a felicidade dependente de Jesus, deixe-me dizer também que esta batalha que está sentindo agora, você continuará nela daqui a sessenta anos se estiver ainda viva e Jesus não tiver voltado. Porque essa é a minha idade.

Na verdade, sou um ano mais velho do que isso – 75, não 74. E tenho que resolver esta questão de onde minha alegria está enraizada todos os dias – todas as manhãs na batalha contra o diabo, o mundo e a carne – ao invés de deixar a velha natureza, que a Bíblia chama de “a carne”, atrair-me para longe de Jesus para as coisas terrenas como mais valiosas. Cada estágio da vida – um estágio de 14 anos e um estágio de 75 anos de idade – tem seus atrativos únicos da felicidade dependente de Jesus para a felicidade dependente do mundo. É verdade. Então, você vai ter que lutar contra isso até o fim, então é bom começar bem agora e aprender sua estratégia de batalha.

Quatro maneiras de enraizar sua alegria em Deus

Portanto, deixe-me fazer quatro sugestões sobre como enraizar sua alegria em Jesus e não nas circunstâncias.

  1. Conheça o propósito de Deus para os problemas em sua vida.

Deus está muito mais comprometido em construir alegria e felicidade piedosas em seus filhos do que nós em encontrá-las. E uma de suas maneiras de fazer isso é cuidando para que enfrentemos problemas o suficiente para nos fazer desistir de encontrar nossa alegria numa vida sem problemas. Conheça as passagens da Bíblia que ensinam isso. Por exemplo, Romanos 5: 3-5:

E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência,
E a paciência a experiência, e a experiência a esperança.
E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado.

Em outras palavras, a alegria da esperança é intensificada quando nossa fé persiste em meio aos problemas. Ou em 2 Coríntios 1: 8-9, Paulo diz:

Porque não queremos, irmãos, que ignoreis a tribulação que nos sobreveio na Ásia, pois que fomos sobremaneira agravados mais do que podíamos suportar, de modo tal que até da vida desesperamos.
Mas já em nós mesmos tínha- mos a sentença de morte, para que não confiássemos em nós, mas em Deus, que ressuscita os mortos;

Em outras palavras, a alegria da confiança completa em Jesus é o propósito de Deus quando Ele nos leva à beira da morte. Portanto, sugestão número um: Conheça este ensino bíblico para o resto de sua vida. Isso irá atendê-lo muito bem.

2. Crie o hábito de encontrar Deus em todos os lugares.

É um pouco incomum. Pense nisso comigo. Eu sugiro que você pegue todos os prazeres naturais que Deus lhe dá, que não são pecaminosos, e faça um esforço consciente para ver e saborear, ou provar, o próprio Deus dentro e por trás desses prazeres. Em outras palavras, a melhor maneira de impedir que um prazer dado por Deus se torne o seu deus é empurrar para o prazer e, por meio do prazer, o Doador do prazer, que está tentando mostrar a você algo sobre Si mesmo e como Ele é satisfatório.

Por exemplo, a Bíblia diz que a palavra de Deus é mais doce do que mel (Salmo 19:10). E a Bíblia diz que Jesus é a luz do mundo (João 8:12). E a Bíblia diz que Ele é como água viva (João 4: 10-14). Então, quando você prova algo que é realmente delicioso, ou quando você sai de uma escuridão assustadora para uma bela luz e brilho, ou quando você realmente, realmente, realmente está com sede e bebe um copo de água fria, em cada um desses pontos, diga a si mesmo que Jesus é mais doce que o mel, e Ele quer que O experimente como o presente de mel. Diga a si mesmo que Jesus é mais brilhante do que esta bela luz e deseja que eu o aprecie em seu brilho. E diga a si mesmo que Jesus é mais satisfatório do que esta grande água que mata a sede, e Ele quer que eu esteja satisfeito com Ele como me sinto agora com esta água – só que melhor.

Em outras palavras, adquira o hábito de encontrar Deus em todos os lugares onde haja bondade neste mundo. Isso o impedirá de tratar a bondade como um deus e de desprezar a bondade de Deus rejeitando os presentes. Todas as boas dádivas de Deus não são destinadas à idolatria; elas pretendem nos dar um gostinho Daquele que os criou e nos mostrar algo de si mesmo.

E acho útil acrescentar o seguinte: já que sou um pecador e não mereço nada de Deus além do julgamento, portanto, tudo de bom que vem a mim enquanto filho de Deus foi comprado para mim pelo sangue de Jesus, sem o qual eu só seria condenado. Eu basearia tudo isso em Romanos 8:32. Portanto, toda coisa boa não só me aponta para a bondade do Doador, mas me aponta para o preço infinito que foi pago por Jesus para que eu pudesse ter o dom e o Doador. Isso me ajuda a amá-Lo como devo. Eu espero que a si também.

3. Torne a leitura da Bíblia pessoal.

Torne a leitura da Bíblia todos os dias muito pessoal. Não pense apenas em aprender a viver de acordo com as diretrizes da Bíblia, que são importantes, mas todos os dias, pense no que você pode saber sobre Jesus, o Filho de Deus, e Deus Pai, e Deus o Espírito Santo – e que você pode conhecê-Los como pessoas. Em outras palavras, leia a Bíblia para conhecer a pessoa de Deus. Sempre pense: eu amo uma pessoa. Eu amo uma pessoa. Deus é admirável. Deus é forte. Deus é sábio. Deus é bom. Deus é paciente. Deus é justo. Deus é misericordioso. E ao ver essas características em Deus, ame-O por causa delas. Encontre a própria pessoa para ser seu tesouro. Torne a leitura da Bíblia pessoal.

4. Lembre-se de sua morte vindoura.

E, finalmente, mesmo que você tenha apenas 14 anos, mantenha a morte regularmente em sua mente – não o tempo todo; apenas retorne regularmente ao pensamento de que você vai morrer. E o objetivo disso não é deixá-la com medo. Não é para a deixar triste. Não é para deixá-la taciturna. Exatamente o oposto. Todo mundo vai morrer, a menos que Jesus volte primeiro. Pode acontecer quando você tiver 15 anos, pode acontecer quando você tiver 95, mas vai acontecer.

E quando essa hora chegar, tudo, exceto Jesus, perderá seu poder reconfortante. Todas as nossas posses, todas as nossas realizações, toda a nossa aparência pessoal e intelecto, toda a nossa família e amigos, todos eles falharão como base para esperança e alegria em nossa morte. Mas se você conhece Jesus pessoalmente, o dia da sua morte não será um dia de apenas deixar para trás as coisas com as quais você está familiarizado, mas será um dia de pisar na presença Daquele com quem mais nos importamos.

Então, obrigado por fazer uma pergunta tão boa aos 14 anos. Estou muito animado com o que Deus fará em sua vida entre agora e quando você tiver 24 anos.

Artigo original por John Piper (@JohnPiper) em : https://www.desiringgod.org/interviews/how-do-i-stop-rooting-my-joy-in-my-circumstances

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: