Portanto, eis que eu a atrairei, e a levarei para o deserto, e lhe falarei ao coração. – Os 2:14 Análise Spurgeon

A bondade de Deus nos vê seduzidos pelo pecado, e resolve mostrar-nos as seduções mais poderosas do amor. Não nos lembramos de quando o Amante de nossas almas lançou um feitiço sobre nós e nos encantou para longe das fascinações do mundo! Ele fará isso de novo e de novo sempre que vir que provavelmente seremos enlaçados pelo mal.

Ele promete separar-nos, pois ali Ele pode lidar melhor connosco, e esse lugar separado não deve ser um paraíso, mas um deserto, pois em tal lugar não haverá nada que tire nossa atenção de nosso Deus. Nos desertos da aflição, a presença do Senhor torna-se tudo para nós, e valorizamos Sua companhia além de qualquer valor que atribuímos a ela quando nos sentamos sob nossa própria videira e figueira na companhia de nossos semelhantes. A solidão e a aflição trazem mais para si do Pai celestial do que qualquer outro meio.

Quando assim seduzidos e isolados, o Senhor tem coisas especiais a nos dizer para nosso conforto. Ele “fala ao nosso coração”, como diz o original. Oh, que com isso possamos ter essa promessa explicada em nossa experiência! Seduzidos pelo amor, separados pela provação e confortados pelo Espírito da verdade, que conheçamos o Senhor e cantemos de alegria!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: